EM 5 DIAS, 6 JOVENS MORREM VÍTIMAS DE BALAS PERDIDAS NO RJ

O Rio de Janeiro registrou a morte de seis jovens vítimas de balas perdidas nos últimos cinco dias. Em quatro casos a Polícia Militar estava envolvida nos tiroteios, seja durante operações ou em patrulhamentos.

A última vítima durante uma ação policial foi Margareth Teixeira, de 17 anos, atingida na noite de terça-feira (13) por uma bala perdida, na comunidade do 48, em Bangu, na zona oeste do Rio. Seu filho Enzo, de 2 anos, também foi ferido por um tiro no pé.

Os dois foram levados para o Hospital Municipal Albert Schweitzer, em Realengo, na zona oeste da cidade, mas Margareth não resistiu aos ferimentos. Enzo passou por cirurgia no pé e continua internado na unidade de saúde.Leia mais...