Nova legislação deve garantir ruas mais limpas nas eleições



As eleições de 2018 devem ser mais limpas do que as de 2014. Há quatro anos, apenas em Brasília, foram recolhidas quase 300 toneladas de material de campanha que poluíram as ruas da cidade.

A esperança da Justiça Eleitoral e dos órgãos de limpeza urbanas se baseia em uma minirreforma eleitoral aprovada pelo Congresso em 2015. Na época, os parlamentares proibiram o uso de cavaletes, faixas, placas, bonecos ou qualquer outro tipo de propaganda semelhante em vias públicas.